O que a Britney tem para oferecer a nova geração?

Não tem discutir se Britney merece ou não cada conquista ou título que possui até então. A garota quese consagrou princesa do pop nos anos 2000, sempre será lembrada assim, mesmo que surja a cada dia umas 20 que parecem ter tomado seu posto. Em meio de uma geração que curte ser descolada, mas ao mesmo tempo nada rotulada, e que precisa de embaixadores de opiniões para ajudar na hora de espalhar ideologias e maneiras de ser, o que ela tem a oferecer? Seria Britney, apolitizada?

britney
Reprodução

Vamos lá: Beyoncé prega conceitos políticos e denuncia práticas de racismo em suas obras e como Taylor Swift, Lorde  e Miley, enaltece o feminismo com músicas e atitudes. Katy Perry transmite boas mensagens e já Selena e Demi sempre procuram propagar o amor próprio e a liberdade do coração. Lady Gaga mesmo sumida é uma embaixadora das questões de gênero e assuntos da comunidade LGBT (que é apoiada por todas que já citei). Tá, e a Britney? Onde fica nisso tudo?

Britney
Reprodução

Britney Spears, aos 34 anos, continua fazendo o que ela sempre fez: mascarando tudo, com sutilidade. Ela é uma sobrevivendo na indústria radiofônica e não há quem nunca ouviu uma de suas canções. Mesmo não tende uma voz potente como a de Adele, ela alcança uma enorme quantidade de pessoas, que talvez nem os agudos da Christina Aguilera, ou da própria Melody conseguiriam.

Reprodução
Reprodução

Suas músicas podem não vir escancaradas com avisos de ideológicas e atitudes sociológicas. Ok, nós precisamos de pessoas que  falem da situação da humanidade, das questões sociais e que com suas músicas, consigam abrir espaço para causas relevantes e que precisam de notoriedade. Mas Britney não se encaixa aí. Assim, por isso ela deve ser irrelevante? Fútil?

Reprodução
Reprodução

ira, Britney mostra o lado de quem pode se posicionar na sociedade sem vestir um pensamento estruturado já existente. Eu não preciso proclamar meu ódio pelo racismo, meu voto pelo feminismo, minha aprovação ou não pelo aborto, minha relação com estudos de gênero. Eu não preciso sair gritando minhas opiniões por aí a fora e acho que a Britney também não.

Reprodução
Reprodução

Não reclamo de quem faz óbvio, só queria dizer que também está tudo bem se você não estampar seus pensamentos. É legal guardá-los as vezes para si, construir camadas e deixar que o que realmente querem, as desvende-as.  Eu vejo a Britney assim. Já percebi com entrevistas e é claro com atitudes, que ela tem ideais e pensamentos feministas, e girl power, igualdade racial e de gênero. Ela não é isenta, mas também não veste a camisa. É uma sobrevivente da história da humanidade.

Britney
Reprodução

Está tudo bem manter um equilíbrio entre ambos os lados. Já vi muita gente se queixando da cobrança que é se posicionar sobre algo e apoiar tais causas. Talvez seja por isso que muita gente diz besteira as vezes e não entende pensamentos diferentes.

Reprodução
Reprodução

Não escrevi isso como fã dela, só mesmo porque me identifiquei. É muita cobrança por posicionamento, por participações e discursos, que as vezes a voz por trás deles não tem a mínima noção do que se está sendo falado. Britney nos motiva, da sua maneira, a correr atrás do que a gente realmente quer. De dar uma reviravolta em nossas vidas quando sentir a necessidade e nunca admitir perder sua essência para si mesmo.

 

Reprodução
Reprodução

Uma grande corrente ideológica relacionada a grandes deveria ser formada. É possível sim retomar o controle da sua vida e começar do zero (ou quase), mesmo que as coisas não demonstrem a mínima chance disso. Isso aí, eu aprendi com a Britney.

Reprodução
Reprodução

Suas músicas tem sentimento e quase todas tratam o amor como uma chave e o tesouro na verdade é a sintonia entre você e as demais criações do universo. O humano em si é retratado em suas diversas formas e desejos, tanto os carnais quanto os emocionais. Ela se tornou um ícone da cultura mundial e sempre será lembrada por mais que os anos passem e as gerações mudem.

tumblr_m7hrzmslb61qi0ofuo1_500
Reprodução

Se você TEM algo a dizer, DIGA! Se você QUER dizer algo, DIGA! Mas está tudo bem guardar algumas coisas pra você. Claro que não vamos nos trancar em uma bolha e viver sem encarar nos reais problemas, só estou dizendo (ou tentando), que também é interessante “esconder” alguns questionamentos e revelar somente para quem tem interesse.

Reprodução
Reprodução

Bom foi isso que tive vontade de dizer! Me conta aí nos comentários o que achou e se não entendeu alguma coisa (das minhas linhas de pensamentos hiper confusas haha), é só perguntar também!

Gui Assinatura

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: